A DIVERSIDADE

A DIVERSIDADE que todos somos e a diversidade que as empresas buscam - forças, fraquezas, ameaças e oportunidades

É inegável atualmente ouvirmos muito frequentemente o termo DIVERSIDADE espalhado tanto no cotidiano de nossas vidas, como dentro do universo corporativo. Mas sabemos mesmo do que se trata esta tal diversidade? É algo próximo ou distante de você?

No dicionário Aurélio encontramos:

1 - Qualidade de diverso. 

2 - Variedade (em oposição a identidade); multiplicidade. (confira AQUI)

Mas até que ponto vemos este termo com vieses inconscientes. Será mesmo que a tal diversidade é entendida em sua amplitude?

Em minha opinião, nossa maior igualdade, e talvez a mais acentuada, seja a diversidade que cada um possui. Somos diversos em tudo e nos mais variados momentos. Reagimos diferentemente em situações semelhantes. Somos um universo único em particular. Nem as digitais de gêmeos univitelinos, que têm o DNA idêntico, são iguais. Elas são muito parecidas, mas os efeitos externos fazem com que apresentem diferenças.

Olhe ao redor e vai perceber como todas as pessoas são diferentes. Rostos, corpos, comportamentos e personalidades, todos parecem únicos e especiais. Agora pense na humanidade como um todo. Somos quase 7,5 bilhões, mas estimativas sugerem que 100 bilhões de pessoas viveram e morreram nos últimos 50 mil anos. Até onde sabemos, todas elas são, ou foram, totalmente únicas. O mesmo se aplica a todos os seres humanos que ainda estão por nascer.

Voltando ao universo corporativo, proponho, que tal fazermos uma análise da DIVERSIDADE, usando a matriz SWOT?

  • FORÇAS:

* A diversidade o torna único e especial

* A diversidade existente em você o capacita para buscar novos horizontes, perguntas e respostas

* A diversidade é sempre uma oportunidade.

* A diversidade potencializa a sua empatia ao próximo - conhecendo melhor a si mesmo, podemos compreender melhor o próximo.

* A diversidade amplia sua identidade, criando multiplicidades e amplitudes. (ela dá asas)

* A diversidade aumenta a criatividade, a inovação e a capacidade de gerenciar problemas e, possivelmente, encontrar soluções.

  • FRAQUEZAS:

* Medo de conhecer e reconhecer-se em fragilidades e deficiências.

* Insegurança perante o universo que é você mesmo.

* A diversidade faz com busquemos sempre o novo, podendo dificultar a manutenção do status quo, criando assim uma certa insegurança do caminho a ser seguido. (ela pode não te dar raízes)

* A diversidade é um fluxo potente e de difícil controle.

  • OPORTUNIDADES:

* A diversidade é inata e natural

* A diversidade é um pressuposto essencial para qualquer sistema para que se possa evoluir e sobreviver (Darwin) - (link para saber mais)

* A diversidade amplia as zonas de encontro entre os mais diversos grupos e coletivos.

  • AMEAÇAS:

* Medo de dificuldades de ações únicas devido à diversidade plural de cada indivíduo como potência.

* A diversidade, potencializa tantos o números de soluções e respostas, que gera dificuldades na escolha do caminho correto a ser seguido.

* A diversidade necessita sempre de uma gestão contínua e presente para harmonia inter-relacional, criação de grupos, manutenção e fortalecimento dos mesmo.

 

Estas são algumas das observações que construí por minha observação de vida, no tempo em que vivencio a real diversidade, como mulher transexual que sou. Nos apontamentos de minhas fraquezas, descobri minhas maiores forças. Nos avessos que a vida deu, descobri muitas vezes, meu lado correto. Perdi o medo, enfrentando o medo.

Convido você que me lê agora que reflita a diversidade que você é. Tire uns 10 minutos para tentar fazer este pequeno e essencial exercício. Ouse, sem medo, a descobrir lugares dentro de si que nunca teve coragem de visitar. Retire nestes poucos minutos, algumas bases e raízes. Permita-se voar mesmo que nunca o tenha feito.

Pode ser que na primeira vez que faça este exercício tenha algumas dificuldades. Comum este estranhamento. Não o abandone ou o deixe de lado. Quando estiver sentindo mais segurança, vá escrevendo, como fiz acima, quais as suas forças e fraquezas, ameaças e oportunidades. Permita-se surpreender-se com as descobertas.

Só para fechar esta viagem, amplie este novo olhar para o encontro com seu próximo: família, amizades, grupos de trabalho, lazer e outros que participe. A diversidade já está presente também nestes lugares. Assim como você fez comigo neste artigo que leu e neste exercício que propus, basta que a ampliemos e nos deixemos preencher por este que é o nosso maior tesouro - a unicidade de sermos únicos e DIVERSOS, por essência.

Encontro você no meu próximo vôo (ou artigo) como preferir.

 

MAITE SCHNEIDER (se quiser saber mais de minha vida e trajetória pessoal - indico abaixo 2 vídeos especiais)

* Vídeo Programa 302

Vídeo Liberdade de Gênero

 

Consultora do Eixo LGBT e Diversidade na INTEGRA 

Incentivadora e Potencializadora de HUMANIDADES