Um ano após atentado de Bruxelas, Londres foi a vítima

Um ano após atentado de Bruxelas,  Londres foi a vítima

 

Um ano após o atentado de Bruxelas na Bélgica onde foram mortas 32 pessoas e 324 ficaram feridas, além das que saíram  ilesas fisicamente mas com grandes danos psicológicos, socorristas, militares e policiais ainda vivem esse drama e hoje relembraram  aqueles momentos de horror com o atentado de Londres.

 Imagem: Google   

Imagem: Google

 

Psicólogos afirmam que numa situação como essa as vítimas de outros atentados revivem os momentos, as imagens dos feridos voltam, os cheiros voltam e a pessoa sente o mesmo medo de morrer. 

Como aconteceu? 

 Tudo parecia normal e dentro da programação do parlamento onde no começo da tarde a reunião semanal de perguntas ao governo na Câmara dos Comuns acontecia ,  quando a sessão foi interrompida imediatamente após a notícia do atentado que vitimou até agora uma mulher, um policial e o autor do atentado,  além de deixar em torno de vinte  pessoas feridas, algumas em estado grave. 

O atentado aconteceu nas imediações de Westminster, onde o terrorista em um carro saiu atropelando dezenas de pessoas e depois esfaqueou um policial que estava em frente ao Parlamento Britânico

A primeira- ministra britânica Thereza May  que estava presente na sessão junto aos deputados segundo fontes  foi retirada as  pressas do parlamento. 

Em solidariedade a Inglaterra o parlamento escocês também adiou a sessão a qual debatia a realização de um novo referendo após o Brexit,  quando o atentado aconteceu. Segundo o presidente do Parlamento da Escócia não tem nada para retomar no momento eles querem se solidarizar com o "vizinho" Parlamento Inglês.