Tráfico e escravidão de pessoas no Reino Unido

Tráfico e escravidão de pessoas no Reino Unido

Quando se fala em escravidão remetemos logo a algo do passado, mas não é bem assim. No mundo moderno ainda existe tráfico de pessoas e escravidão. 

Esse tipo de escravidão acontece ao nosso redor e bem debaixo dos nossos olhos, os traficantes de pessoas atraem esses pessoas com boas propostas de trabalho e uma vida dos sonhos longe do seu país de origem e ao chegar no Reino Unido eles tem o passaporte e documentos retidos, como não falam a lingua e não tem qualquer apoio ficam presos nesta  situação. 

Em 2015 foram identificadas pelas autoridades britânicas  3.266 vítimas de tráfico e escravidão e esse número se torna cada ano maior, no entanto as autoridades estão mais atentas e conseguindo libertar mais vítima. 

Em 2013 , três  mulheres  foram libertadas   após passarem 30 anos morando e sendo escravizadas numa casa no sul de Londres. Também existem casos de pessoas que são colocadas em trabalhos regulares, no entanto o traficante é quem fica com o salário e a pessoa não sabe como buscar ajuda. 

Na escravidão moderna não há sequestro e nem coerção, a vítima se apresenta voluntariamente e quando chega ao destino percebe que foi vítima de um golpe e é escravizada, trabalha em troca de um teto e comida. 

A maioria dos escravizados no Reino Unido vem da Nigéria, Albânia, Vietnã e Hungria. 

Se você suspeita que alguém esteja sendo escravizado, se aproxime e tente ajudar essa pessoa a denunciar e procurar apoio no  seu consulado.