Conheçam Dr. Marcos Sforza

Conheça Dr. Marcos Sforza

Cirurgião Plástico

 Filho de médico, desde pequeno teve interesse em cirurgia plástica. Aos 13 anos, nas férias de verão, sua mãe estava lendo um livro chamado "Direito a Beleza", autoria de Ivo Pitangy. Curioso, pegou o livro para ler. Ficou surpreso e contagiado pela história do cirurgião e professor que passou sua vida tentando explicar que se sentir bem consigo mesmo pode ser extremamente influenciado pelo fato de como você percebe sua própria imagem.

Sendo assim, todas as pessoas teriam o direto de alcançar uma beleza não só interior, mas também exterior, sem remorsos. Além disso, gostar do que se vê no espelho pela manhã pode, sim, dar força e confiança para enfrentar uma situação ou dia difícil.

"Aprendi que o direito a beleza não tinha nada a ver com algum exagero a que ser superficial possa levar, mas, ao contrário, faz parte de uma formação de caráter em que você pode tentar melhorar, sim, em todos os aspectos do seu ser", disse Dr. Marcos.

 

Aos 17 anos iniciou a Faculdade de Medicina da Universidade Federal do Rio de Janeiro, onde se tornou médico, cursou mais dois anos de residência em Cirurgia Geral e, enfim, três anos de residência em cirurgia Plástica com o Professor Ivo Pitanguy, na Santa Casa da Misericórdia no Rio de Janeiro. O sonho se realizou!

 

"Sobre o professor Pitanguy, assim como Pelé, Freud ou Nietzsche, pode-se dizer que não existirá outro semelhante; um cirurgião que chegue perto do seu talento e sapiência, um ser humano maior que si mesmo, um educador como nenhum outro e um visionário", afirmou Dr. Marcos.

A cirurgia estética hoje é algo comum em qualquer lugar do mundo, e Ivo Pitanguy tem grande parte nisso, pois ele mostrou que existiam vários caminhos para que uma pessoa pudesse encontrar satisfação pessoal.

"Todos os dias em meu consultório eu vejo pacientes que têm sua vida mudada para melhor. É abdômen que perdeu a forma com a maternidade, é um seio muito grande que dói a coluna ou simplesmente a ausência de um seio de forma natural, o que faz com que uma pessoa se sinta menos feminina. Hoje em dia, não salvo mais vidas, de uma maneira literária como quando eu era cirurgião geral, mas certamente ajudo muitas pessoas a se sentirem bem melhores e de alma mais leve", comentou Dr. Marcos.

 

Dois anos após o término da sua residência, veio trabalhar em um hospital no Reino

Unido por três meses, depois foi diretor do maior hospital privado de cirurgia estética da Inglaterra e da Europa por sete anos e não voltou mais para o Brasil.

Hoje, Dr. Marcos Sforza é um dos cirurgiões mais solicitados para dar treinamento e conferências internacionais, com uma média de mais de 30 palestras internacionais por ano. Nos últimos anos publicou mais de 40 trabalhos científicos, levando aos cirurgiões novas técnicas e tecnologias em Cirurgia Plástica.

Além disso, ele é o único cirurgião brasileiro que foi aluno do Professor Ivo Pitanguy com licença no Reino Unido, tem experiência de mais de 5 mil cirurgias plásticas realizadas na Inglaterra e suas consultas são com simulação 3D, em que os pacientes podem ver o resultado em realidade virtual.