Como lidar melhor com uma criança autista

Como lidar melhor com uma criança autista

 

A principal característica do autismo é o comprometimento das habilidades de interação social e comunicação. 

A partir dos três primeiros anos de vida, que é quando a criança começa a se comunicar pode-se ter um diagnóstico, o primeiro passo é procurar um especialista para um diagnóstico claro  e para saber qual o nível de autismo, depois é partir para os tratamentos com fonoaudiólogos, psicólogos e terapeutas ocupacionais   pois eles irão ajudar no desenvolvimento da criança. 

  O transtorno não tem cura, mas existem formas que facilitam o convívio com uma criança autista. 

1. Crianças com autismo em um nível mais alto podem ficar violentas e irritadas ao serem tocadas sem avisar, mas isso não quer dizer que o autista não goste de carinho ao contrário eles precisam de carinho e atenção. 

2. Brincadeiras estimulam as habilidades das crianças, com o autista não é diferente.

3. Os pais devem ajudar a criança autista a criar laços, como por exemplos fazer amigos e ter interação social. 

4.  Uma característica do autista é ter dificuldade de aceitar mudanças impostas e pode reagir com raiva, birra ou até mesmo agressividade,  por isso é preciso entender que mesmo a criança tenha esse distúrbio ela também precisa de limites. 

5. Procure conversar  periodicamente com os médicos e profissionais que cuidam do seu filho e pesquisar sobre o autismo.