Qual a diferença entre preconceito, racismo e discriminação?

Qual a diferença entre preconceito, racismo e discriminação?

O preconceito é uma opinião preconcebida sobre determinado grupo ou pessoa, sem qualquer informação ou razão. O racismo é a crença de que uma raça é superior a outras, já a discriminação é a ação baseada no preconceito ou racismo, onde o individuo recebe um tratamento injusto apenas por pertencer a um diferente grupo, categoria ou classe.

O que é preconceito?

O termo preconceito se refere a uma opinião preconcebida, um pensamento ou sentimento formado sobre uma pessoa ou um grupo, sem que haja experiências ou fatos relevantes para comprovar tal ponto.

O termo é usado geralmente de forma negativa, onde os membros pertencentes a um grupo particular são vistos como inferiores. Geralmente ocorre com características que algum grupo considera incomum ou indesejável, podendo ser baseadas na raça, gênero, nacionalidade, status social, orientação sexual ou afiliação religiosa de alguém.

Além do racismo, as principais formas de preconceito incluem:

  • Sexismo: A crença de que as mulheres são menos capazes do que os homens;

  • Homofobia: Antipatia, desprezo, preconceito, aversão ou ódio à homossexualidade ou pessoas identificadas ou percebidas como lésbicas, homossexuais, bissexuais ou transgêneros (LGBT);

  • Discriminação religiosa: Valorização ou menosprezo de uma pessoa ou grupo por causa de suas crenças.

O que é racismo?

O racismo é a ideia de que os indivíduos de cada raça possuem características, habilidades ou qualidades específicas dessa raça e, portanto, algumas raças são superiores às outras.

Ele pode assumir a forma de ações, práticas, crenças sociais ou sistemas políticos que consideram que diferentes raças devem ser classificadas como superiores ou inferiores entre si. O racismo também pode julgar que pessoas de diferentes raças devem ser tratados de forma diferente.

As formas clássicas de racismo incluem:

  • Discriminação racial, que é a separação de pessoas através de um processo de divisão social;

  • Racismo institucional, que é a discriminação racial por parte de grandes organizações com o poder de influenciar a vida dos indivíduos, como governos, corporações, religiões e instituições educacionais;

  • Racismo nos direitos civis, que incluem a disparidade histórica, econômica ou social causada pelo racismo passado, afetando a geração atual, e em atitudes racistas e ações inconscientes dos membros da população em geral.

O que é discriminação?

A discriminação é a ação baseada no preconceito, e acontece quando tratamos os membros de um determinado grupo de forma diferente, com base em fatores como seu status, grupo a qual pertence ou categoria. Geralmente essa distinção acontece de um modo ruim, e o fato de alguém ser tratado pior do que outros por algum motivo arbitrário já é considerado discriminação.

Além do racismo, outras formas de discriminação incluem distinção por idade, linguagem, deficiência, etnia, identidade de gênero, altura, nacionalidade, religião, orientação sexual e peso.

Como a discriminação é a ação em si, uma pessoa pode ser preconceituosa e racista, mas não agir em suas atitudes, ou seja, não discriminar.

Fonte :: https://www.diferenca.com/preconceito-racismo-e-discriminacao/