Liderança e Espiritualidade estão conectadas

 

O conceito de espiritualidade pode ser definido como uma "propensão humana a buscar significado para a vida por meio de conceitos que transcendem o tangível, à procura de um sentido de conexão com algo maior que si próprio". A espiritualidade pode ou não estar ligada a uma vivência religiosa.

Mas o que a espiritualidade pode interferir na vida de um líder empresarial? 

Hoje em dia as empresas buscam pessoas com grande nível de inteligência emocional e isso está totalmente conectado a espiritualidade, não se tratando de nenhuma religião específica. 

A ideia  dessas grandes empresas  não é transformar o mundo corporativo em um centro religioso, mas que seus funcionários estejam em harmonia espiritual para que se reflita no desempenho do seu trabalho. 

Esse tipo de " espiritualidade" é um nível superior de consciência em gestão. 

Segundo Mário Sérgio Cortella, renomado palestrante,  educador, filósofo e escritor brasileiro,  "Espiritualidade é a capacidade de olhar que as coisas não são um fim em  si mesma, que existem razões mais importantes do que o imediato". Com isso as organizações são formadas  por indivíduos, que são entidades vivas e por tanto  espirituais , cada funcionário possui seus pensamentos e sentimentos próprios, o líder que tem essa conexão consegue perceber isso e conseguir resultados da equipe não só materiais, mas contribuir com o mundo. 

O líder que sabe disso escolhe  para o seu time pessoas onde seus sonhos e interesses pessoais estão  conectados aos  valores e princípios da  organização , contribuindo com satisfação nas tarefas do dia - a dia o que afeta no atendimento aos clientes , fornecedores e o ambiente de trabalho é mais leve e motivado.