Dubai - O que fazer neste paraiso Árabe ?

Dubai - O que fazer neste paraiso Árabe ?

Dubai - o que fazer neste paraíso árabe?

 

Olá, viajante, quando estiver planejando o que fazer em Dubai, é bom se preparar para descobrir que tudo por lá tem proporções gigantescas. É comum encontrar muitas atrações entre as maiores do mundo (o que inclui edifícios e até mesmo um show de águas dançantes). O destino vem ganhando atenção dos viajantes nos últimos anos e fez por merecer tanto sucesso.

 

Surgida no meio do deserto, a cidade é hoje símbolo de tecnologia e cenários futuristas em meio aos Emirados Árabes Unidos. Para descobrir como se deu essa transformação, a visita ao Dubai Museum (ou“Museu de Dubai”) é imperdível. Com algumas atrações interativas, o museu conta a história da região, resgatando a cultura dos beduínos que viviam no local, bem como o passado da cidade desde antes da descoberta do petróleo, ocorrida por volta dos anos 50. O museu fica localizado no Forte Al Fahidi, construído em 1787, e tem uma área dedicada a escavações arqueológicas, onde é possível encontrar alguns objetos com mais de 3 mil anos de história.

 

Depois de ter um breve panorama sobre o passado de Dubai, é a vez de conhecer o principal cartão-postal da cidade, o Burj Khalifa, considerado o edifício mais alto do mundo. Com seus 828 metros de altura e 160 andares, a construção foi inaugurada em 2010. Desde então, atrai turistas do mundo inteiro que querem subir até seu último andar para ver a cidade lá do alto. Há inclusive alguns passeios que levam os viajantes a tomar um chá da tarde no topo do edifício e prometem complementar a experiência.

 

Ao lado da construção está localizado o The Dubai Mall, onde é possível ver o show das Fontes de Dubai, considerado como o maior espetáculo de águas dançantes do mundo. Ele é realizado todos os dias em diferentes horários em um lago artificial localizado dentro do shopping. Durante o show, as águas chegam a atingir uma altura de 140 metros e são acompanhadas por músicas e uma iluminação especialmente concebida para o espetáculo.

 

A próxima parada deve ser em uma das principais paisagens da cidade: o hotel Burj Al Arab, que se gaba de ser o único estabelecimento sete estrelas do mundo, embora sua classificação oficial seja de hotel cinco estrelas. A estrutura no formato da vela de um barco foi construída em uma ilha artificial que fica conectada à praia de Jumeirah por meio de uma ponte. Para conferir de perto a construção, a dica é realizar a reserva em um de seus restaurantes: a experiência será cara e luxuosa, mas mesmo assim muito mais econômica do que se hospedar no hotel. Se não fizer questão de explorar a fundo o Burj Al Arab, é possível se contentar com a vista do hotel enquanto dá um mergulho na praia de Jumeirah.

 

Na sequência, é bom reservar uma noite de sua viagem para realizar um safári com jantar no deserto. Muitas agências oferecem a experiência (e é possível conferir algumas opções nesta página). Embora seja um passeio mais turístico, será também uma maneira de entender mais sobre a cultura da região. Geralmente, os tours buscam os viajantes no hotel em que estão hospedados e seguem em um veículo 4x4 pelo deserto até um acampamento de beduínos. Ao chegar lá, os visitantes podem desfrutar de um jantar feito especialmente para a experiência, bem como apresentações de danças típicas.

 

Dubai também tem muitas opções para aqueles que preferem as águas às areias do deserto. É o caso do famoso parque aquático Wild Wadi, localizado no Jumeirah Beach Hotel. Construído em torno de uma lenda local, o parque é perfeito para se refrescar no verão da cidade. Outra atração similar é o parque Aquaventure, localizado no resort Atlantis The Palm, onde os visitantes também poderão conferir um aquário gigante ou nadar com golfinhos no Dolphin Bay. O resort fica em uma das ilhas do arquipélago artificial The Palm, construído no formato de uma palmeira.

 

Para além dessas atrações mais exuberantes, Dubai também resguarda algumas atividades típicas do mundo árabe, como os muitos mercados, ou souks. A visita ao Mercado de Especiarias é imperdível e fará os visitantes aprenderem mais sobre os muitos temperos e especiarias usados na gastronomia local, enquanto o Mercado de Ouro se concentra na venda de joias e o Mercado de Bur Dubai pode ser perfeito para comprar lembrancinhas de viagem ou itens de artesanato local.

 

Busque reservar também um dia para atravessar ocanal Creek, que corta a cidade, a bordo de um abra, uma embarcação de madeira típica usada na região. Além de ser um lindo passeio, o outro lado do Creek é também uma parte da cidade que merece ser mais explorada pelos viajantes, odistrito de Deira.

 

Por último, é possível complementar a estadia na cidade com um passeio de um dia por Abu Dhabi, a capital dos Emirados Árabes Unidos. Localizada a menos de duas horas de distância de Dubai, a cidade serve como um contraponto para quem busca conhecer mais da vida na região longe da exuberância de Dubai. Tenha uma excelente viagem!

 

KARLA BARBOSA